Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Nunca é tarde demais para negociar!

por Nuno Vaz da Silva, em 02.05.13

A situação política do país e a dependência da ajuda financeira externa exige que as principais forças partidárias procurem entendimentos sobre os assuntos mais relevantes para o futuro do país. Temas como Justiça, Defesa, Fiscalidade, Administração Pública e Politica Europeia são estratégicos e necessitam de acordos de regime para que exista estabilidade legislativa e um apoio alargado às decisões políticas.

 

Contudo, os recentes discursos dos partidos da oposição têm sido opostos a este imperativo nacional. Podemos indicar múltiplas justificações para esta estratégia com culpas repartidas por vários quadrantes políticos. Se é verdade que o Governo deveria ter envolvido mais a oposição nas suas decisões, não é menos verdade que a oposição não tinha grande interesse em ser envolvida em medidas difíceis.

 

A radicalização dos discursos e o afastamento progressivo entre Governo e oposições traduz-se numa luta pela sobrevivência politica em cada partido mas que nada contribui para o bem estar social dos portugueses. Negociar não significa impor nem tolerar a qualquer preço. Negociar implica ter disponibilidade para ouvir e ser escutado na busca da melhor decisão.

 

Quando as clivagens politicas se extremam, as negociações parecem mais difíceis de ocorrer e de produzir resultado uteis. Se a radicalização do discurso pode ser uma boa táctica politica quando há escassez de argumentos, por outro lado é uma ferramenta demagógica insustentável a médio prazo.

 

Podemos ter perdido muito tempo em medidas impostas e sem envolver as oposições nas soluções. Todavia, se a oposição tem a sua quota-parte de culpa nos problemas do país, a decisão de se afastar da estratégia acabará por revelar também um afastamento dos seus próprios eleitores, o que é um risco eleitoral que se pretenderá evitar.

 

Ninguém tem dúvidas que é mais fácil criticar do que argumentar e que o papel dos agentes politicos é similar a um jogo de luta pelo poder. Mas, se os partidos realmente defendem o interesse dos portugueses, acima dos seus próprios interesses, não só esta é a hora de negociar como nunca é tarde demais para negociar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:05





Últ. comentários

  • silva

    A TRÍADE SALOIA Casino Estoril Sol IIINo caso da ...

  • silva

    A TRÍADE SALOIA Casino Estoril Sol IIINo caso da ...

  • silva

    A TRÍADE SALOIA Casino Estoril Sol IIINo caso da ...

  • silva

    A TRÍADE SALOIA Casino Estoril Sol IIINo caso da ...

  • silva

    A TRÍADE SALOIA Casino Estoril Sol IIINo caso da ...